Mais um review de telefonia no blog TargetHD.net. E dessa vez, testamos o smartphone Samsung Galaxy S II, a recente atualização do principal produto da linha Galaxy, que chega com uma série de diferenças que o qualificam (na minha opinião) como o melhor smartphone Android do mercado. Nesse review, analisamos os principais detalhes do aparelho, mostrando suas características e propriedades.

Na parte superior, temos a primeira mudança: a câmera frontal para vídeo-chamadas e o sensor de luminosidade foram transferidos para o lado esquerdo do usuário (antes estavam no lado direito).

Outra diferença visível do Galaxy S II é a sua espessura. O novo modelo é mais fino que o anterior, e é um smartphone significativamente fino, se pensarmos em todas as características técnicas que o modelo oferece.

Abaixo, fotos comparativas do Galaxy S II com outros smartphones:

Abaixo, a comparação de espessura com o iPhone 3GS.

Abaixo, a comparação de tamanho com o BlackBerry Bold (que você verá em review em breve aqui no TargetHD)

Os controles de volume do aparelho, na lateral esquerda do usuário.

Na parte superior, o conector dos fones de ouvido.

Na lateral direita do telefone, o botão de liga/desliga, que também atua como botão de bloqueio de tela.

Na parte inferior do aparelho, o conector mini USB.

Visão geral da parte traseira do aparelho, que também traz diferenças importantes em relação ao modelo anterior.

A câmera de 8 megapixels oferece melhores fotos, e conta com a ajuda de um flash LED, que é um item essencial para quem quer captar boas imagens com o smartphone nas mais diversas situações.

Outra mudança está no seu alto-falante, que agora está na parte inferior do aparelho, na curva superior da parte traseira (antes, ficava próximo à câmera). Essa mudança faz com que o aparelho reproduza os toques um pouco mais alto, pois essa parte curvada não fica completamente abafada no bolso, ou quando o telefone está sobre a mesa de trabalho.

A tampa da bateria do aparelho é agora uma pequena placa de plástico, que é removida por esse pequeno espaço.

A tampa em si é feita de plástico, e está mais simples retirar a tampa do aparelho. Porém, essa tampa é composta pelas famosas “pequenas linguetas de plástico”, que podem se quebrar facilmente se o usuário remover a tampa por várias vezes, para torca de chips SIM ou cartões microSD. Recomendo que você evite fazer isso várias vezes.

Visão geral da parte interna do aparelho, com slot para cartões microSD e SIM card.

Aqui, a bateria do aparelho, que possui uma autonomia de um dia completo com uso intenso, com suas principais funções ativas. Para quem vai ficar o dia inteiro twittando, navegando na internet e usando o GPS, é melhor levar um cabo carregador consigo. Você pode precisar.

Ligando o aparelho.

Uma das diferenças que mais saltam aos olhos é a qualidade de reprodução das imagens na tela. A tela tem um brilho excepcional, e uma nitidez incrível. Poucas fotos tiradas das telas desse review ficaram ruins ou não foram aproveitadas.

Repare no nível de detalhes e das cores da tela (e olha que o ambiente para as fotos não eram as ideais, e não sou um grande fotógrafo).

Tela principal do modelo enviado para testes. Repare como as dimensões da tela foram bem aproveitadas, tomando quase toda a área frontal do aparelho, deixando o espaço mínimo para o botão central e o alto-falantes.

Mais uma foto que mostra a nitidez da tela do telefone.

Aplicativo de previsão do tempo. Indispensável. E bem completo.

A seguir, algumas telas de ícones de aplicativos disponíveis no modelo para testes.

Aqui, destaco o widget de configurações e recursos, como o WiFi, Bluetooth e GPS. Ele tem opções adicionais, para buscar outros recursos do sistema.

Aplicativo de calendário, que está bem mais visível que na versão Android 2.2 (você verá isso no review do Samsung Galaxy Pro em breve).

Os botões Menu e Voltar, que ficam visíveis quando você mexe alguma coisa no celular (na tela, ou acionando o botão Home).

Agora, vamos testar a qualidade de reprodução de vídeos, através do YouTube.

Como no Galaxy S, a qualidade de imagem é muito boa, com poucos lags. Não consegui testar a exibição de vídeos no formato AVI em HD, mas mais para frente, poderei falar do teste de benchmark que fiz no aparelho.

No review em vídeo que publicarei ainda nesta semana, você poderá ver em detalhes a reprodução de vídeos no Galaxy S II.

O teclado virtual é muito competente, um dos melhores que já testei. Com a nova tela, o novo processador, e a nova versão do Android, eles conseguiram melhorar muito a sensibilidade da tela para a digitação, deixando o teclado muito melhor. O teclado Swype funciona de forma perfeita nesse aparelho, deixando a digitação mais rápida. Com um pouco de treino, você vai dominar tranquilamente o recurso, que pode ser útil em alguns momentos.

Visão geral do teclado, na orientação horizontal.

Abaixo, fiz um teste de benchmark do aparelho. Algumas telas que capturei do teste. No review em vídeo, você poderá ver em detalhes como ele é competente nas suas propriedades de processamento gráfico.

Por fim, a câmera de 8 megapixels.

A câmera pode capturar boas fotos, mas cuidado ao utilizar o flash do aparelho, que tende a deixar os alvos das fotos mais claros do que já são.

Visão geral da câmera frontal do aparelho. Abaixo, fotos capturadas pela câmera traseira do Galaxy S II.

Abaixo, veja o vídeo de teste gravado com a câmera de 8 megapixels do Galaxy S II. Repare que o foco automático trabalha o tempo todo, o que pode trazer incômodo para alguns usuários. Porém, o recurso pode ser ajustado nas configurações da câmera.

Por fim, o Samsung Galaxy S II está APROVADO. É o melhor smartphone Android que me deparei. Um aparelho rápido, consistente, robusto, com um desempenho estável e performance impressionante. A Samsung conseguiu transformar um smartphone que era muito bom, em um novo modelo, muito melhor.

O modelo está na faixa de preço dos chamados “super smartphones”, logo, entra na competição direta dos modelos mais robustos dos concorrentes. Porém, o Galaxy S II impressionou tão positivamente pela sua qualidade de tela, velocidade e robustez do sistema, que podemos qualificá-lo como o Android definitivo. É a escolha certa para os usuários mais exigentes. E para aqueles que desejam uma experiência completa no smartphone.

Preço: R$ 1.749,00