Seagate-Wireless-Plus-top Utilizamos nossos tablets e smartphones também para entretenimento. Não são poucos os usuários que consomem músicas e vídeos em dois dos dispositivos mais cobiçados do planeta. Mas 16, 32 ou 64 GB são insuficientes para aqueles que contam com uma grande biblioteca multimídia. E utilizar um HD conectado à porta microUSB do dispositivo (quando isso é possível) não é a solução mais confortável do mundo. Logo, a melhor escolha é utilizar um HD Wireless portátil, como é o caso do Seagate Wireless Plus. Nesse review, vamos analisar as principais características do produto, e compartilhar a nossa experiência do produto. A unidade enviada pela assessoria de imprensa da Seagate Brasil possui 1 TB de armazenamento, o que deve ser espaço suficiente para atender a demanda da maioria dos usuários que desejam levar a sua biblioteca de fotos, vídeos e músicas em qualquer lugar.

Antes de começar…

Os testes que fizemos com o Seagate Wireless Plus foram essencialmente com dispositivos móveis (smartphones e tablets), que é onde está a sua aplicação principal. O produto se descreve compatível com computadores, TVs e videogames, com a mesma funcionalidade: o streaming de conteúdo armazenado no periférico para esses equipamentos. Acreditamos que o produto deve funcionar sem problemas com TVs e videogames, mas como o nosso foco era a mobilidade, não realizamos tais testes. Apenas por uma simples opção pessoal.

Acessórios

DSC06665 O produto vem muito bem embalado, em uma caixa bem resistente. Nada mais justo: estamos falando de um HD de 1 TB, tal com outro qualquer, que é sensível à quedas e choques. Nesse aspecto, a Seagate cumpre com a necessidade de acondicionar o seu produto para transporte com qualidade. Já vimos outros fabricantes deixar isso por conta do varejista, o que nem sempre funciona muito bem. DSC07083 O kit de venda vem com um adaptador para rede elétrica, para recarregar a bateria interna do dispositivo, e para manter o produto em funcionamento durante várias horas. Lembramos aqui que a bateria interna do Seagate Wireless Plus tem uma autonomia de uso de até 10 horas longe da tomada. DSC07087 DSC07091 Além disso, um cabo USB acompanha o produto, para fazer o transporte dos conteúdos armazenados em seu computador para o HD. Vale lembrar que o Seagate Wireless Plus é compatível com portas USB 3.0, o que é uma mão na roda na hora de transportar grandes volumes de dados. DSC07095 Para se conectar ao adaptador de rede elétrica, o kit também acompanha o cabo de conexão para a porta DC do HD. DSC07097 O produto também vem com um adaptador para o cabo USB 3.0 (SuperSpeed), viabilizando assim a sua conectividade com notebooks ou desktops para transporte de dados. DSC07107 Por sua vez, esse adaptador se conecta na parte traseira do dispositivo… DSC07109 …deixando o produto com essa aparência, depois de seu adaptador ficar conectado.

Características Físicas

DSC07116 O Seagate Wireless Plus é um produto bem construído, e com um acabamento excelente. Diferente do que se imagina, a sua carcaça externa é feita de um plástico bem resistente, e não com um acabamento metálico. Mesmo assim, a aparência visual é ótima, sendo um produto sóbrio e muito bem apresentável para ser usado em qualquer lugar. DSC07120 É um produto relativamente espesso (12 cm de altura), mas isso não impede que ele cumpra com a sua principal missão: a portabilidade. Pesando pouco mais de 250 gramas, ele pode ser transportado com comodidade dentro da bolsa ou mochila, sendo também uma ferramenta interessante para um uso profissional (backups, armazenamento remoto, etc). DSC07155 Não que seja um produto que você vai ficar segurando o tempo todo, mas é bom ter uma ideia de sua proporção, ao segurar o produto. Para exemplificar melhor a sua proporcionalidade, ele é pouca coisa mais larga que o smartphone Samsung Galaxy Gran Duos (análise em breve aqui no blog). DSC07135 Outro cuidado da Seagate com o acabamento do produto está na parte inferior do dispositivo, que possui um acabamento em tom preto fosco, com os seus pequenos pés de apoio com materiais emborrachados. DSC07124 Tal como informamos antes, temos aqui o conector para o cabo DC, para recarregar a bateria interna do HD. DSC07130 O botão de liga/desliga do dispositivo… DSC07146 …que em atividade, fica com os seus dois LEDs ativos: o que indica a atividade do dispositivo, e o indicador de atividade de rede do HD. É sempre bom lembrar que o Seagate Wireless Plus conta com um dispositivo de rede para se comunicar com os gadgets e outros dispositivos. E é isso que torna o produto mais funcional e prático para a reprodução de conteúdos por streaming. DSC06716 Para transferir os seus conteúdos para o HD, nada melhor do que usar a porta USB 3.0 disponível no dispositivo.

O Produto em Funcionamento

Para realizar os testes do Seagate Wireless Plus, utilizamos o tablet Nexus 7, cujo review já foi feito no TargetHD.net (clique aqui para ler). Entendemos que essa é a forma mais prática e proveitosa para a maioria dos usuários consumirem os conteúdos multimídia, e porque também valia a pena aproveitar o potencial total de um dispositivo que já está plenamente ajustado para a reprodução de vídeos.

2013-05-22 21.54.55

Talvez um dos inconvenientes do dispositivo seja a necessidade de você se desconectar da sua rede WiFi de internet para utilizar a rede criada pelo HD da Seagate. Nos testes, tentamos utilizar o roteador como “intermediário” entre os dois dispositivos, mas isso não foi possível. O guia rápido do produto enviado pela Seagate também não dá indicações sobre essa viabilidade, e na prática, a interface interna de conexão do HD também não pode ser modificada. Logo, você precisa escolher: ou você navega na internet, ou vai ver os seus vídeos sem ser incomodado pelos seus amigos nas redes sociais.

2013-05-22 21.55.34

Dito isso, a conectividade é feita sem maiores dificuldades. Para as configurações iniciais, o software da Seagate vai te conectar uma primeira vez na internet para ajustes complementares de configurações e atualizações. Depois, o próprio software avisa que você precisa se conectar na rede do dispositivo para poder identificar os arquivos nele armazenados.

2013-05-22 21.57.26

A disposição dos vídeos armazenados podem ser exibidos por capas de miniaturas, que podem ser divididos em pastas, álbuns e categorias. Uma interface simples e limpa, de fácil identificação visual.

2013-05-22 22.16.12

2013-05-22 21.57.42

Se você assim preferir, você pode exibir esses conteúdos armazenados em forma de lista. Pode ser uma conveniência maior, dependendo da situação, até mesmo para obter informações adicionais desses conteúdos, como por exemplo o tempo de cada música armazenada em uma pasta específica.

2013-05-22 21.58.14

Para facilitar a sua identificação, a interface também mostra as datas de criação das pastas no dispositivo, o que ajuda e muito no gerenciamento dessas pastas e arquivos, principalmente nas escolhas dos conteúdos. Ao que interessa: a reprodução de conteúdos.

2013-05-22 22.01.46

Como é de nosso costume, deixamos os arquivos de legendas dentro das pastas dos vídeos, para identificar se o player de vídeo nativo da Seagate consegue reconhecer esses arquivos, exibindo as legendas no vídeo.

2013-05-22 22.01.02

E a resposta é: NÃO. De forma nativa, o player de vídeo do Seagate Wireless Plus não identifica as legendas de vídeo armazenadas na mesma pasta dos vídeos. Utilizando os formatos .MKV e .MP4, a opção oferecida pela Seagate não é a mais adequada para aqueles que dependem de legendas para compreender o que é dito nas suas séries preferidas. O problema poderia ser atenuado se o dispositivo fosse compatível com outros aplicativos de reprodução de vídeos, como o Play Filmes (Google) e o MX Player, que contam com suporte nativo para legendas. Porém, o Seagate Wireless Plus passa pela obrigatoriedade de passar pelo seu aplicativo para se tornar funcional, o que inviabiliza essa possibilidade. Testamos os dois aplicativos citados com o dispositivo, e em ambos, a unidade Wireless sequer foi identificada.

2013-05-22 22.04.43

Sobre a reprodução de formatos, os resultados oscilaram. Alguns dos principais formatos com maior qualidade de imagem, como .MKV, .MP4 e .WMV foram executados sem maiores problemas. Já arquivos no formato RMVB (ainda muito popular) não foi identificado, e o player simplesmente não respondeu ao solicitar a reprodução do arquivo.

2013-05-22 22.05.57

O Seagate Wireless Plus também possui um player musical integrado. Um player simples, com as funcionalidades mais básicas. Funcionou sem problemas ou travamentos.

2013-05-22 22.07.11

Detalhes como nome completo da faixa ou do arquivo em .MP3 também podem ser exibidos na lista de reprodução musical.

2013-05-22 22.07.47

O visualizador de fotos também é executado sem maiores problemas, inclusive com recursos de zoom integrado para as imagens.

2013-05-22 22.08.08 2013-05-22 22.08.18 2013-05-22 22.08.45

Conclusão

DSC07151 O HD Seagate Wireless Plus está APROVADO. O produto cumpre o que promete, com configurações de média complexidade para a maioria dos usuários, e funcionalidades essenciais para o consumo de conteúdos. Talvez as limitações de exibição de legendas no player nativo e alguns formatos incompatíveis acabem deixando a desejar, mas não desprezamos a possibilidade de contar com um dispositivo de armazenamento de 1 TB, com streaming sem fio e com a possibilidade de consumo de conteúdo em múltiplas plataformas. No Brasil, o Seagate Wireless Plus tem preço sugerido de R$ 699.