censura

 

O governo britânico confirmou que vai bloquear sites com conteúdos sexuais que fogem do convencional, de acordo com o que estabelece a Obscene Publications Act, que está em vigor no país.

A normativa segue de “guia” para determinar o que pode ser considerado como sexo “normal” e o que não é. A lei até agora censurava conteúdos adultos publicados em formato físico no Reino Unido.

Na teoria, a medida visa acabar com o que eles acreditam ser uma má influência para os menores, mas muitos consideram a medida absurda, que pode causar mais danos que benefícios por conta da grande quantidade de sites que teriam que ser filtrados.

Também não falta quem pensa que, além de absurda, a medida é uma perda de tempo e de recursos, elementos que poderiam ser destinados a ajudar os menores de forma mais direta e efetiva.

Por enquanto, a ideia está em fase inicial de discussão que ainda pode virar proposta de lei. Vendo os antecedentes que marcam a Oscene Publications Act e que o partido conservador está à frente do país, poucos duvidam que a proposta seguirá adiante.

 

Via Fudzilla