fairphone-1

Depois de vários meses de atividades, o Fairphone vai encerrar o seu ciclo de vida, com as últimas unidades sendo enviadas para os seus compradores. Assim anunciou a sua equipe de trabalho com sede em Amsterdã (Holanda), garantindo que em 01 de fevereiro de 2015 serão realizados os últimos envios para aqueles que confiaram no projeto na sua fase de criação.

O Fairphone prometeu ser um smartphone aberto. Apresentado em maio de 2013, e desde então suas características de hardware não modificaram (tela de 4.3 polegadas – 960 x 540 pixels -, processador MediaTek 6589, 1 GB de RAM, sistema Android 4.2), o que deixou o produto defasado.

Esse é um dos riscos que um projeto em crowdsourcing pode correr: passar muito tempo entre o seu anúncio e o envio das primeiras unidades.

Mas além das características técnicas ou da viabilidade do produto, o fundamental é que o Fairphone se transformou em um produto real, concretizando a possibilidade de se ter um smartphone aberto, transparente e fabricado com componentes do chamado ‘comércio justo’. O produto foi considerado ‘out of stock’ quando eles alcançaram a marca de 33.595 unidades vendidas.

fairphone-2

Resta saber se a experiência do Fairphone vai inspirar outros fabricantes a apostarem na mesma proposta no futuro, e se acontecer, isso pode ser uma boa notícia para o mercado mobile. Da Fairphone, é um ‘adeus’ para sempre. Mas para outras startups pode ser apenas o começo de uma nova fase.

Via Fairphone