zte-z-community

 

O programa de ideias Z-Community da ZTE começa a render frutos pelas mãos dos membros de sua comunidade de usuários. O Project CSX seria um smartphone “sob medida”, com características muito úteis para os deficientes físicos, mas que podem ser aproveitadas por outros usuários, como por exemplo o rastreamento ocular e uma traseira auto adesiva.

 

O futuro Project CSX

 

project-csx

 

As propostas recebidas pela ZTE foram várias, e a empresa reduziu para cinco: uma máscara com apelo para realidade virtual, uma luva controlada a partir do smartphone e até a petição para construir um novo Nexus. Um dispositivo top de linha, com um Android limpo. Uma espécie de ZTE Axon 7 Google Play Edition.

A ideia que recebeu mais votos foi a de um smartphone com rastreamento ocular, com parte traseira auto adesiva que pode ser fixada em qualquer superfície lisa, que pode ser utilizado com apenas uma mão. São características que beneficiam de forma direta os deficientes físicos.

Porém, são funcionalidades úteis para muitos usuários para ver o conteúdo de redes sociais e outros conteúdos enquanto estamos com as mãos ocupadas. Além disso, permitira o controla do dispositivo, oferecendo novas possibilidades de interação.

Algumas características do Project CSX já são conhecidas: tela LCD de 5.5 polegadas, câmera traseira de 16 MP (f/1.8) com lente de 26 mm e flash Dual LED, USB Type-C, alto-falantes estéreo e câmera frontal com sensores para o eye-tracking.

Veremos se a ZTE é capaz de levar essa ideia adiante e no tempo estimado. O Project CSX deve ser apresentado na CES 2017 em janeiro. Não sabemos se em protótipo ou versão final. Mas como utiliza tecnologias que já existem, o processo pode ser agilizado.

 

Via Slashgear