Touch-ID-iphone_02

Já era de se esperar. Desde o momento em que o tal Erro 53 do iPhone se tornou algo amplamente divulgado, mas ainda não estava claro quando nem como. Por fim, está confirmado que a Apple enfrenta agora um processo coletivo por tal erro, em uma ação apresentada pela empresa PCVA de Seattle.

O Erro 53 é um bloqueio identificado nos iPhones quando realizadas mudanças nos botões de início com o Touch ID em contros que não estão autorizados oficialmente pela Apple. O smartphone conta com um identificador na inicialização, e se ele detecta a coincidência esperada, ele fica totalmente inutilizado, obrigando o usuário a passar em uma Apple Store para solucionar o problema.

O comunicado oficial da Apple garantia que essa era uma medida de segurança para evitar mudanças de hardware não autorizadas, que poderiam levar a um acesso não autorizado ao smartphone, mas parece que isso não convenceu o pessoal do PCVA, que considera esta uma prática abusiva e injusta, o que  obriga os usuários a recorrer à assistência técnica oficial o tempo todo.

Por outro lado, o processo também acusa a Apple de não fazer nenhum aviso oficial, nem mesmo com a chegada do iOS 9, onde os usuários não tinham a menor ideia da existência do Erro 53 até que fosse tarde demais.

Vamos seguir como esse caso evolui, já que o mesmo tem bases bem sólidas e pode causar alguns danos sérios para a empresa de Cupertino (ou no mínimo forçar mudanças nas suas políticas de assistência técnica de alguns dos seus produtos).

Via Softpedia