Qualcomm-Snapdragon-Smart-Protect

A Qualcomm anunciou em sua página na internet o lançamento do Snapdragon Smart Protect, um sistema focado a solucionar problemas contra malwares.

A plataforma vai oferecer uma detecção precisa e efetiva de ameaças de malwares, melhorando a proteção da informação pessoal e a segurança do dispositivo. Mediante a monitorização do comportamento dos apps do dispositivo em tempo real, o Snapdragon Smart Protect vai detectar e classificar de forma (quase) instantânea qualquer atividade considerada anormal ou suspeita. Os apps se classificam por nível de ameaça (spyware, adware, malware destrutivo, etc).

É o primeiro recurso que utilizará a tecnologia Qualcomm Zeroth, que oferece um aprendizado inteligente, que permite que esta função não afete de forma perceptível para o usuário a autonomia de bateria ou o desempenho. O segredo do Snapdragon Smart Protect é atuar de forma mais profunda e precisa do que a maioria dos anti-vírus existentes, que apenas se limitam a revisar os apps diante da base de dados de malwares registrados e, em muitos casos, com informação não atualizada.

Além disso, o sistema trabalha a partir do dispositivo e não sobre uma plataforma na nuvem, de modo que não é necessário que o smartphone esteja conectado na internet para que as análises sejam feitas.

 

Vantagens para o usuário e para os desenvolvedores de software

A Qualcomm explica que mais e mais dados são armazenados em smartphones, e que os malwares estão no auge. Por isso eles acreditam que a monitorização profunda que o Snapdragon Smart Protect realiza no dispositivo (baseando-se nas capas mais profundas do software e no hardware dedicado à segurança) será mais precisa que a atual.

Desse modo, a Qualcomm coloca à disposição dos fabricantes de sistemas operacionais e apps anti-malware a API do Snapdragon Smart Protect, para que eles possam realizar essas análises. O sistema ainda oferece notificações instantâneas no caso de detecção de violações de privacidade ou atividades maliciosas.

A empresa trabalhou em parceria com nomes como Avast, AVG e Lookout para o desenvolvimento do sistema. Veremos o Qualcomm Snapdragon Smart Protect a partir de 2016, nos dispositivos que incorporarem o processador Snapdragon 820.

 

Via Qualcomm