Ter uma patente é algo muito importante na vida de um inventor. É como se fosse uma vitória. Mas, em alguns casos, algumas patentes se tornam coisas tão absurdas que não podem sair do papel. Por isso, com a ajuda do Google Patent Search, listamos algumas das mais absurdas e inviáveis, só para que se tenha uma ideia do quanto à mente humana pode ser, às vezes, muito dispersa no que se refere à “noção do ridículo”.

Nome: Comunicador de voz para uma entidade local (7113911), Stephen John Hinde, Paul St. John Brittan, Marianne Hickey, Lawrence Wilcock, Guillaume Belrose e Andrew Thomas, de 26/09/2006.

Este povo todo se reuniu para desenvolver um dispositivo que permite que uma planta “fale” com você. O aparelho usa sensores de infravermelho, ou em ondas de rádio sonoras para captar tais objetos e animais. Sem mais comentários.

Fonte: PC Magazine Brasil : As 10 patentes tecnológicas mais malucas