Pornhub

 

Em várias partes do mundo temos uma batalha aberta entre os principais protagonistas da internet e as autoridades, sobre a conhecida neutralidade da rede (onde não podemos discriminar um ou outro serviço em função do seu conteúdo), e o Pornhub vai protestar contra isso.

Pois bem, o Pornhub tem 75 milhões de usuários únicos por dia, e pode sofrer com os repentinos cortes de conexão por conta dessa tal distinção de acesso ao seu conteúdo.

Por isso, o famoso site de conteúdo adulto via streaming anunciou que vai se unir ao protesto global que vai acontecer no dia 12 de julho, onde os internautas serão conscientizados sobre a importância de se preservar essa neutralidade.

Sem entrar em detalhes, o serviço vai simular o que pode eventualmente acontecer se os planos daqueles que querem intervir no acesso ao conteúdo online vingarem: a paralisação do serviço e uma audiência temporariamente desesperada.

Ao que parece, o Pornhub pode mostrar um relógio de download, o que pode resultar em uma espera eterna para muitos. Não é o fim do mundo, mas é apenas uma mostra dos reflexos que a decisão pode entregar.

Muita gente pode ficar com mais tempo livre na internet nesse dia, mas não podemos negar que os efeitos morais compensam e muito os colaterais.

 

Via VICE