Huawei-P8-Lite

Falar do Huawei P8 Lite é falar de um dos smartphones de linha média mais bem sucedidos de 2015. A afirmação fica bem clara ao ver que em apenas nove meses eles conseguiram chegar a 10 milhões de unidades distribuídas desse modelo.

Levando em conta justamente o fato de ser um modelo de linha média, tal cifra tem muito mérito, já que esse setor é muito concorrido, com uma competência feroz. Mas não podemos deixar de questionar como eles alcançaram o mérito dessa forma. Antes de mais nada, é preciso deixar claro que o Huawei P8 Lite teve mais sucesso fora da China, o que chama ainda mais atenção. Logo, de forma resumida e simples, podemos dizer que se trata de um smartphone com uma das melhores relações custo-benefício do mercado.

Apesar de se aproximar “perigosamente” das configurações de um modelo top de linha, uma vez que conta com um processador octa-core bem competente, 2 GB de RAM, 16 GB de armazenamento e slot para microSD, ele pode ser encontrado na Europa por 180 euros, e com vínculos com operadoras, ele pode até sair de graça, dependendo do plano escolhido. E isso contribuiu para o seu sucesso.

Mas não seria justo terminar sem falar do seu design muito atraente, apesar das diferenças de materiais diante do modelo maior, e da popularidade da Huawei como marca, dois elementos importantes nesse sucesso.

Hoje, a Huawei é uma marca reconhecida e famosa, que inspira confiança, algo que não acontecia em um passado não muito distante, e que sem dúvida jogou a favor dos bons resultados obtidos com o Huawei P8 Lite.

Via GSMArena