nintendo-switch-cartucho

 

O Nintendo Switch foi apresentado, e revoluciona em grande parte o conceito do que conhecíamos de um videogame até agora. Mas um dos seus aspectos mais chamativos não é algo tão revolucionário assim.

Quando o Switch chegar ao mercado em março de 2017, ele contará com um sistema de cartuchos, igual ao Nintendo DS. A Nintendo não explicou os motivos dessa decisão, mas vamos avaliar as possíveis razões para a aposta.

 

 

São pequenos, duradouros e com boa segurança

 

nintendo-switch-modulos

 

O Wii U estreou o Wii U Optical Disc, muito similar aos discos de Blu-ray, e também contavam com discos parecidos com os seus antecessores. Porém, mesmo que o Switch tentasse o mesmo, não poderia, por causa do tamanho. O cérebro do console esta em um corpo de tablet, e não há espaço físico para colocar um leitor de discos no produto.

Nos portáteis, a Nintendo sempre apostou nos cartuchos, e parece que esta solução é suficiente por conta do tamanho perfeito, do fácil transporte e maior segurança.

Outro fator importante é a durabilidade e resistência do formato. Os discos podem riscar facilmente. Já os cartuchos preservam os dados por mais tempo, e a Nintendo, apesar de ter um perfil mais juvenil, sempre foi sensata para ter um formato à prova de crianças.

E possível levar todos os cartuchos em um case ou bolsa sem espaço e dedicado, com a poeira não sendo algo tão letal, e se caírem ao solo tem mais chances de sair com vida do acidente.

Sem falar que o slot dos cartuchos está protegido por uma pequena tampa de plástico. Levando em conta que é um dispositivo móvel, isso ajuda a não apenas apoiar o cartucho, mas proteger o próprio console contra água e poeira.

 

nintendo-switch-gamecard

 

A segurança dos cartuchos não é apenas física. São mais difíceis de se piratear, por oferecer com um melhor sistema anticópias. Mesmo assim, vimos como no passado foram criados os cartuchos piratas. Será interessante ver como a Nintendo vai combater isso agora.

Outros motivos estão no custo (mais baratos que outros formatos físicos) um melhor suporte de produção, eliminar o armazenamento interno no console e redução dos tempos de carga.

 

 

Muitas dúvidas ainda ficam no ar

 

A Nintendo não revelou as especificações técnicas do Nintendo Switch, logo, não sabemos qual será o real potencial dos cartuchos. E isso levanta dúvidas, como o sistema anticópias, a capacidade máxima para os jogos ou o armazenamento máximo para salvar jogos.

Também é preciso ver o preço do console e dos jogos, ou se conseguem se adaptar aos preços dos demais consoles, ou até conseguirem preços mais baratos.

São muitas as dúvidas, mas teremos que esperar algumas semanas, até que a Nintendo comece a revelar os aspectos técnicos do Nintendo Switch.