A VIA apresentou seus planos de aumentar a família de processadores Nano, mais exatamente com a chegada da série E. São cinco chips de velocidades que variam entre os 800 MHz e os 1.8 GHz (tabela de configurações abaixo). A ideia do fabricante é que eles estejam em equipamentos integrados, já que estão preparados para executar aplicativos de 64 bits e sistemas de virtualização de forma nativa. Além disso, estes processadores devem ter uma vida útil de mais de 7 anos, assim como a aceleração de hardware para a manipulação de vídeo em HD e tecnologia 3D.

Fonte