Com o lançamento frequente de modelos de telas OLED, os fabricantes de componentes eletrônicos devem trabalhar e muito para encontrar soluções de reduzir o tamanho de suas soluções integradas. Neste caso, a Sharp apresenta o seu novo sintonizador de TV, que chega com dimensões que reduzem em até 70% o tamanho em relação ao modelo anterior, e 50% na sua espessura.

Isso foi possível graças ao número de seus componentes internos, que caiu para 80, no lugar dos 300 anteriormente utilizados. A redução não impede que haja uma melhoria da recepção, graças ao amplificador de ruído mínimo integrado no produto. Ele é compatível com os sinais DVB-T, ATSC, ISDB-T/TB, DVB-T/T2 e CTTB. Deve ser visto em breve no Japão, América do Norte, China, América do Sul e Europa.

Fonte