Hoje em dia, vivemos em uma sociedade onde usamos as coisas, e tão logo essas coisas não nos servem mais, jogamos fora. Cada vez mais temos produtos de um único uso, e talvez por causa disso, o pessoal criativo da Art Lebedev pensou que este conceito poderia chegar aos pendrives. Neste caso, temos um pendrive conceitual desenvolvidos por Alexei Lyapunov e Lena Ehrlich, contam com capacidades de 8 e 16 GB, e possui seus chips impressos em papelão. Ou seja, você destaca o pendrive, usa no seu notebook, e quando ele não tiver mais uso, é só jogar fora no lixo de seu escritório. Simples, assim.

via Art Lebedev