notebook-hp-sem-dvd-teaser

 

Os últimos dados do DigiTimes revelam que os notebooks com leitores de DVD estão se tornando uma raridade, inclusive nos modelos com 15,6 polegadas ou superiores.

A Apple foi uma das primeiras a abandonar as unidades óticas nos seus portáteis, no MacBook Pro de 2012. O movimento foi adotado por outros fabricantes.

Hoje, é comum encontrar equipamentos sem leitor de DVD, por conta do auge dos ultrabooks e dispositivos 2 em 1.

Também é preciso ter em conta que tudo mudou muito em muito pouco tempo.

Hoje, o consumo de conteúdo em formato digital é algo vasto, e também contamos com unidades USB de elevada capacidade com preços muito reduzidos, melhor desempenho e capacidade de reutilização.

Com este cenário, e levando em conta o espaço que as unidades óticas ocupam, é normal que cada vez menos os fabricantes optem por esse formato de mídia em seus equipamentos, o que pode representar a sua extinção nos computadores portáteis.

 

Via DvHardware