BBM-para-ios-e-android

Em um passado não muito distante, quando o WhatsApp ainda não era tão presente em nosso mundo, a maioria das pessoas que se comunicavam “de graça” por mensagens instantâneas optavam por comprar um BlackBerry para usar o BBM (eu mesmo fiz isso). Depois, com a popularização de outros serviços multiplataforma, o sistema da BlackBerry foi decaindo, enquanto que outras alternativas emergiam. Além disso, muita gente aproveitou a ocasião para trocar de sistema operacional móvel, uma vez que o BlackBerry OS estava ficando obsoleto.

Alguns podem dizer que a troca foi um modismo. Outros, afirmarão que foi por conta de um capricho. Fato é que, em um mercado tão heterogêneo, um aplicativo disponível em várias plataformas tem muito mais chances de sobreviver, já que conta com mais pilares para se sustentar. Muito bem… parece que só agora a BlackBerry se deu conta disso.

Para surpresa de muitos, a divisão africana da Samsung anunciou a chegada do BlackBerry Messenger para os seus smartphones da linha Galaxy, marcando assim a chegada do serviço de mensagens instantâneas ao Android.

Se a BlackBerry está tentando voltar a ser uma opção dentro do mercado mobile (com o sistema operacional BlackBerry 10), também é fato que isso está custando para a empresa mais do que eles esperavam. Hoje, um dos maiores problemas para a empresa de Waterloo é (além do Windows Phone) a sua baixa oferta de aplicativos. Muitos usuários consideram certos aplicativos como “imprescindíveis”, e o fato de não estarem disponíveis em algumas plataformas acabam prejudicando as possibilidades de compra daquele produto.

Mesmo assim, a BlackBerry entende AGORA (e só agora) que vale a pena oferecer os seus serviços para outras plataformas. Essa é uma forma de se fazer conhecida junto ao público, e de forma indireta, pode atrair clientes para o BlackBerry. Poucos, mas pode.

Se temos em mente os milhões de smartphones da linha Galaxy disponíveis no mercado, a tendência é que os usuários do BBM se multipliquem a uma velocidade no mínimo interessante. Não obstante, uma das maiores dificuldades deles ainda será em convencer a tantos usuários a testarem o BBM, principalmente quando hoje já temos tantas opções de serviços de mensagem instantânea.

Na nota de imprensa enviada pela Samsung, é informado que o aplicativo BlackBerry Messenger chegará em breve na Google Play e na Samsung Apps. Porém, parece que inicialmente ele só estará disponível para o continente africano. Ainda que, à princípio, essa ideia pareça ser um tanto quanto estranha (ainda mais para uma empresa que precisa desesperadamente abrigar novos usuários, como é o caso da BlackBerry), não resta mutias dúvidas que o aplicativo será distribuído em outros mercados. Senão, não faz muito sentido exportar o BBM para outras plataformas.

Hoje, o BBM ainda conta com uma grande reputação junto aos usuários, graças à sua robustez e segurança. O WhatsApp, de tempos em tempos, apresentam falhas que incomodam a muitos usuários (principalmente no quesito privacidade). E se a BlackBerry decidir expandir o BBM para outros mercados, esse grupo mais preocupado com a segurança de suas conversas pode considerar o aplicativo dos canadenses uma opção válida.

Ao que tudo indica, o objetivo principal e imediato da BlackBerry está em garantir uma base de usuários. Mas… e depois? Qual será a sua estratégia para tirar proveito dessa decisão?

Essa estratégia lembra um pouco a ideia da Google em oferecer os seus serviços para qualquer plataforma, sem se importar muito com o dispositivo que está acessando os seus serviços. Porém, a principal fonte de monetização da turma de Mountain View é a publicidade. Teria a BlackBerry algo semelhante em mente?

Por fim, ainda que não exista uma confirmação oficial por parte da BlackBerry, a chegada do BBM na Play Store é algo iminente. Apesar da nota de imprensa mencionar a África como ponto de partida, não é nenhum absurdo pensar que o serviço não vai demorar a chegar em outros mercados. Da mesma forma, até que a empresa canadense não se pronuncie oficialmente, não fica muito claro se o BBM será lançado para outros sistemas operacionais (a.k.a. iOS e Windows Phone).

Com informações do Into Mobile, BGR, N4BB