open365

O Open365 é um desenvolvimento open source, que funciona de forma muito similar ao Office 365, utilizando a suíte LibreOffice como base. Está disponível para Windows, Mac OS X e distribuições GNU/Linux de forma totalmente gratuia.

O Office 365 é, provavelmente, um dos maiores sucessos comerciais da Microsoft nos últimos anos. Milhões de usuários da sua suíte de escritório foram convencidos das vantagens da nuvem, com um ambiente de trabalho móvel, seguro e disponível a partir de qualquer máquina conectada na internet. Pois bem, o Open365 tem um conceito similar, sendo uma alternativa livre dos entraves burocráticos da gigante de Redmond.

Ainda em fase beta, o Open365 é perfeitamente funcional. Depois do registro, são oferecidos 20 GB de armazenamento online totalmente gratuitos (não são especificados, mas tudo indica que seja durante o período de testes). A suite permite trabalhar online com documentos de escritório nos formatos habituais, oferece sincronização entre dispositivos integrada e inclui potentes opções para compartilhar e proteger arquivos e pastas de forma muito simples. É de graça, e sua licença também admite a sua instalação em um servidor próprio, para quem quer criar um entorno de trabalho personalizado.

Alguns testes mostram que o serviço se mostra muito sólido, e não resta dúvidas do quão ambiciosa é a aposta. Se bem que alguns pequenos bugs, temos de recarga extensos e um comportamento com erros em determinados momentos que, com o tempo, serão solucionados. A equipe por trás do Open365 é a do EyeOS, um projeto espanhol baseado em tecnologia cloud computing, que foi adquirido pela Telefónica a alguns anos.

O vídeo abaixo mostra um pouco do Open365 em ação.

 

Via Open365