A operadora de TV por assinatura Oi lançou hoje (17) a sua opção de serviço de TV por assinatura via internet, ou na modalidade IPTV (Internet Protocol TV). O serviço está disponível para ser assistido na TV, em smartphones e tablets, permitindo a troca de canais com maior velocidade, gravação de programas preferidos, replay ao vivo na programação, e assistir um programa já exibido, além do compartilhamento de conteúdo nas redes sociais.

A Oi lança essa proposta de IPTV no mesmo período de lançamento de seu plano de banda larga de 200 Mbps via fibra ótica. A oferta do serviço de IPTV da Oi será gradativa, atendendo inicialmente os bairros da Zona Sul do Rio de Janeiro e a Barra da Tijuca, na Zona Oeste. Posteriormente, a cidade de Belo Horizonte (MG) passa a receber o serviço, além de outras capitais brasileiras.

O serviço de IPTV é considerada uma tendência para o mercado mundial de TV por assinatura, pois beneficia o consumidor de forma direta ao permitir uma experiência televisiva muito mais interativa, completa e conectada. Para que o serviço de TV via internet da Oi funcione, é necessária a instalação de uma rede de fibra ótica, que vai até a casa do cliente. Ou seja, a grande maioria dos internautas da empresa que utilizam o serviço via ADSL (ou cabo tradicional) não vai poder utilizar o serviço, pelo menos, por enquanto.

Os preços dos pacotes de TV estão atrelados aos planos de internet, como se fossem composições no formato “combo”. Por exemplo, o pacote básico, com 100 canais e internet de 100 Mbps custa R$ 169,90. Já o plano com 200 Mbps com os mesmos 100 canais custa R$ 209,90. Os valores são válidos para os primeiros três meses. Depois disso, esses preços sofrem um acréscimo médio de R$ 20.

Também estão disponíveis nessa oferta os canais de filmes premium, dos grupos HBO e Tele Cine. Com esses canais, o valor mais elevado que o usuário vai pagar R$ 269,90 por mês.

Via G1 Tecnologia