oculus-1

Os desenvolvedores do Oculus Rift querem ultrapassar outra barreira do entretenimento: a do cinema. No festival de cinema de Sundance, os presentes puderam testar a tecnologia New Frontier, onde combinava a reprodução de um vídeo interativo e os famosos óculos.

O resultado, segundos os presentes, foi tão impressionante – ou mais – do que aqueles alcançados com os videogames. Nate Mitchell, vice-presidente de produto na Oculus, afirmou que “a primeira vez que se experimenta a experiência de uso, a forma de pensar no áudio e vídeo em realidade virtual muda de forma fundamental”.

Vale lembrar que as aplicações para o produto são aparentemente limitadas – ainda mais se levarmos em conta toda a injeção de capital que eles receberam – e há diretores de cinema que estão interessados no conceito para os seus filmes. Entre eles, Alfonso Cuarón (Gravidade).

Joe Chen, diretor de produto e responsável por montar o sistema no festival de Sundance, explicou que eles conseguiram comprovar como o interesse da indústria do cinema pelo Oculus Rift cresceu de forma notável nos últimos oito meses, e lembra que “a regra número 1 nesse momento é… não ter regras”.

Via Wired