surface-3-pro-02

Desde o primeiro minuto do seu evento realizado ontem (20) em Nova York (EUA), a Microsoft fez várias referências sobre o iPad e o MacBook, e tudo parecia indicar que o novo produto estava focado em ser um adversário de peso para esses dois produtos. Mas só parecia.

O novo Surface Pro 3 foi até colocado em uma balança, para ter o seu peso comparado com um Macbook Air. Compararam as telas e suas resoluções, e tudo isso era para mostrar o novo produto não como um tablet, mas sim, uma evolução “lógica” – ao menos para a Microsoft – do notebook. Mas… e o Surface Mini que todos esperavam? Nunca existiu?

O Surface Mini está pronto, mas até a Microsoft tem dúvidas sobre ele

Segundo a Bloomberg, o Surface Mini existe, e não é só isso: ele estava todo planejado pelos engenheiros responsáveis do produto para que fosse apresentado no evento de ontem. Porém, tanto Satya Nadella quanto Steven Elop mudaram os seus planos, considerando que esse Surface Mini, diferente do Surface Pro 3, não era suficientemente diferente do iPad e outros tablets do mercado de sua categoria.

Logo, não poderiam ser – segundo as fontes da Bloomberg – um sucesso, e teria seu lançamento descartado. Segundo dados do IDC, o Surface RT estava quatro vezes abaixo nas vendas do modelo maior, enfrentando uma grande concorrência.

O Surface Mini estaria baseado em processadores Qualcomm, e não seria completamente esquecido na linha de trabalho principal da Microsoft. Segundo Panos Panay, a Microsoft mantém os planos de ter um tablet com tamanho reduzido e com o sistema Windows, mas a sua prioridade no momento é o Surface Pro 3, que aparentemente teve uma acolhida bastante satisfatória. Veremos daqui a alguns meses se tal acolhida se converte em vendas.

Via Bloomberg