google-io-2016

A Google I/O 2016, conferência para desenvolvedores da gigante de Mountain View, acontece entre os dias 18 e 20 de maio na Califórnia. É o evento anual mais importante da empresa, que vai muito além do seu motor de busca, contando com projetos muito importantes como o Android, smartphones e tablets da linha Nexus, dispositivos multimídia para o lar e computadores pessoais com Chrome OS.

Muito além dos seus produtos e serviços mais conhecidos, os projetos em curso para a Internet das Coisas (via Nest), realidade virtual, carros autônomos, redes com o Google Fiber e várias outras iniciativas. Esse post revisa o que podemos ver na Google I/O 2016.

 

Android VR

NexusVR-

A Google quer seguir a tendência do momento: a realidade virtual. “Android VR” é uma denominação que apareceu na documentação do motor Unreal Engine, e indica para uma grande plataforma entorno do Android, com possibilidade no futuro de oferecer conteúdos de RV nos smartphones, sem a necessidade de dispositivos adicionais.

Especula-se melhorias no Google Cardboard e novos projetos como o Cardboard Plastic. A Google também deve mostrar como está o desenvolvimento do novo Googel Glass, já totalmente focado ao setor profissional, um capacete do Android VR e um controle remoto de conteúdos.

 

Android PC: Chrome OS + Android

AndroidN

Wall Street JournalTechCrunch, Business Insider, Recode e outros veículos indicam que a grande bomba da Google I/O 2016 pode ser a confirmação do desenvolvimento de uma fusão entre o Chrome OS e o Android, algo já especulado por anos, e que seria uma questão de tempo acontecer.

O Android OS seria um sistema “tudo em um”, gerenciando desde dispositivos da Internet das Coisas até computadores, passando por wearables, smartphones, tablets, televisores, notebooks e até automóveis.

O Android necessitaria de uma nova interface para trabalhar em um computador com teclado e mouse, algo que já vimos como um avanço no Android N para desenvolvedores, que possui capacidades multitarefa e um sistema de janelas flutuantes e de livre disposição, ou botões de ‘fechar’ e ‘maximizar’, elementos comuns em qualquer sistema operacional para desktops. O Wall Street Journal indica que o lançamento do Android PC aconteceria em 2017.

 

Project Tango

Tablet3dGoogle-Project-Tango

O desenvolvimento do smartphone 3D da Google deve se concretizar pelas mãos da Lenovo. O projeto a cargo do Grupo de Projetos e Tecnologias Avançadas (ATAP) da empresa, que equipado com sensores 3D permitiriam criar em tempo real modelos tridimensionais do espaço que o rodeia.

Essa tecnologia chegaria também aos tablets. O hardware estaria apoiado em um software desenvolvido para realizar o seguimento do movimento 3D completo do dispositivo, criando ao mesmo tempo um mapa do local. O conjunto de câmeras e sensores permitirão ao tablet realizar 250 mil medições 3D por segundo, atualizando sua posição e orientação em tempo real e combinando esses dados em um único modelo em três dimensões do espaço ao seu redor.

Além do hardware da Lenovo, a Google vai utilizar a tecnologia do Project Tango em seus dispositivos de realidade virtual. Tudo indica que a fase de testes terminou, e há quatro seções programadas para o Tango na Google I/O 2016

É de se esperar receber informações sobre o projeto de criação de smartphones modulares sobre o projeto Ara, que também é desenvolvido pelo ATAP.

 

Chirp, o Amazon Echo da Google

O Chirp seria a versão da Google para o Amazon Echo, assistente pessoal para o lar que se apresenta em forma de alto-falante sem fio (ou em outros formatos), permanentemente conectado à internet, com diversas funções.

Seu design ficaria no meio do caminho entre o router OnHub e o Amazon Echo. Integraria a busca do Google e propriedades de reconhecimento de voz. Estará disponível no final do ano, e trabalharia com outros produtos da Nest.

 

Google Play no Windows, Mac e Linux?

Um código dentro do Chrome OS sugere que a Google deve levar a Google Play para o seu sistema operacional de desktop, como uma extensão do projeto App Runtime for Chrome (ARC).

As extensões do Chrome não só seriam executadas no Chrome OS, mas também em todas as versões para desktops do Chrome. Ora, se haverá uma Play Store para o Chrome OS, também será possível ter a loja da Google no Windows, Mac OS e Linux. Tecnicamente seria possível, e estaria em sintonia com as estratégias da Google.

 

Novo app de mensagens instantâneas

As gigantes de tecnologia consideram as mensagens instantâneas como um negócio importante, digno de investimento de tempo e dinheiro. O Hangouts da Google ficou completamente ultrapassado, onde outros serviços como WhatsApp, WeChat, Telegram e Snapchat contam com o protagonismo.

A Google planeja lançar um novo e mais inteligente aplicativo de mensagens, que substituiria o Hangouts. O novo aplicativo integraria ‘chatboots’ e seria apresentado no evento desse ano. A Microsoft estaria trabalhando um conceito similar para o Skype.

Nexus

Além de tudo isso, esperamos comprovar a quantas andam o desenvolvimento do Android N, com uma nova versão preview. Também teremos novidades nos dispositivos Nexus, com um smartphone que seria da HTC.