ps4

A Sony fez uma dessas afirmações que os usuários de PCs torcem e muito o nariz. De acordo com os japoneses, o PS4 é 60% mais potente que um computador com as mesmas especificações.

A afirmação foi feita em função do PlayStation VR, onde eles também deixam alguns detalhes muito interessantes sobre o nível de funcionamento do dispositivo, já que as primeiras informações o colocavam em um nível ‘similar’ ao do HTC Vive com uma GTX 970. Vale lembrar que, desde o começo, o PS4 foi desenvolvido com um nível de otimização absoluto, contando com APIs de baixo nível, permitindo um controle total de hardware, aproveitando assim o seu desempenho ao máximo.

O PS4 conta com uma CPU x86 da AMD e uma GPU Radeon, ambas presentes em uma APU, além de 8 GB de GDDR5, dos quas apenas 6 GB estão livres. Ou seja, dizer que algo é mais potente por estar melhor otimizado não apenas não é correto (ao menos no sentido restrito do termo), mas que são bem mais como uma jogada de marketing, além de aborrecer os usuários dos PCs, que precisam investir muito dinheiro em componentes que, segundo a Sony, não são aproveitados como se deveria.

psvr

Indo para o kit PlayStation VR, mais uma vez a otimização entraria em jogo, já que todo o trabalho seria feito pelo PS4, utilizando técnicas de redução de carga de renderização, com exceção do som, que seria o único que não consumiria recursos do console.

Via WCCFTech