650_1000_plasma_e8000

Com as grandes defensoras do plasma (Pioneer e Panasonic) abandonando esse material a algum tempo, essa tecnologia de telas para TVs está com os seus dias contados, ainda mais com a onipresença das tecnologias LED e OLED. A Samsung era (praticamente) a única gigante a produzir telas com esse material. Era. Não é mais.

A Samsung anunciou que, para eles, o plasma virou história. Sua divisão SDI deixará de produzir telas com esse material a partir do dia 30 de novembro de 2014, para se centrar no desenvolvimento de tecnologias mais futuristas, tanto no material como no consumo energético.

Parte de suas instalações serão redirecionadas para o setor das baterias, enquanto que outras serão vendidas para outras empresas. Aliás, a própria Samsung deixa escapar que a LG também tem planos de abandonar o plasma. Logo, não será surpresa se isso acontecer em breve.

Via Yonhap News