oculus-ifixit

Já era de conhecimento público que a Oculus e a Samsung eram empresas próximas. Tão próximas que um dispositivo com o software da Oculus com o hardware da Samsung foi desenvolvido, o Oculus Rift MK2 Crystal Cove. E esse dispositivo esconde uma tela AMOLED da Samsung, oferecendo uma ótima experiência de uso. O que não quer dizer que a dupla levaria o projeto adiante. Pois bem, a desmontagem publicada pelo iFixit apenas mostra o quão próxima era essa união.

Eles publicaram em seu site o processo de desmontagem da segunda geração do Oculus Rift que muitos já receberam, e foi possível comprovar que a tela frontal do produto é a de um Galaxy Note 3. Na verdade, não só a tela: quase todo o Galaxy Note 3 está integrado ao óculos.

As imagens mostram como a tela inclusive conta com a parte frontal original do dispositivo, que se esconde atrás de um case emborrachado. Também foi averiguado que a frequência de atualização da tela subiu para 75 Hz, algo mais que necessário para o funcionamento correto do óculos, já que o acessório mostra imagens com movimentos mais suaves, eliminando distorções ou efeitos de imagem desnecessários.

Para ver o processo de desmontagem completo, clique aqui. Ou veja o vídeo a seguir.

 oculus-ifixit-01 oculus-ifixit-02 oculus-ifixit-03 oculus-ifixit-04