Uma das atividades que mais movimenta dinheiro na internet na atualidade é o das apostas esportivas. De certo modo, é um dos elementos que ajudam a aumentar ainda mais a audiência de eventos esportivos na televisão, já que todo mundo quer conferir se a sua aposta em um time ou atleta é a vencedora.

A praticidade que a internet oferece também é um fator a favor da atividade. Hoje, estamos conectados ao mundo todo, e todo mundo pode acompanhar os principais eventos do planeta no sofá da sala de casa, através de um bom pacote de TV por assinatura, do escritório, pela tela do computador, ou até pelo smartphone ou tablet, reforçando assim a tendência de mobilidade que vivemos.

As opções disponíveis de sites de apostas online são diversas, e no Brasil, várias estão operando com grande sucesso. Mas em comum, uma ferramenta emerge de forma positiva, mudando a forma como os usuários encaram esse tipo de site: o cash-out.

Todo mundo tem o direito de se arrepender de qualquer coisa que faz na vida (se bem que o ideal é que a gente não se arrependa de nada). E em qualquer coisa que envolve dinheiro nesse mundo, a lei do arrependimento deve ser uma constante. Afinal de contas, não podemos ficar preso à regra do “não tem mais volta” quando a atividade envolve muito mais uma diversão do que um negócio sério ou uma atividade profissional de alto risco.

E é aqui que entra o cash-out de apostas.

Este é um dispositivo que o apostador pode usar a seu favor quando entender que vale a pena lançar mão dele, sem maiores prejuízos. Por exemplo, você faz a aposta no Real Madrid em um clássico contra o Barcelona, em um jogo decisivo do Campeonato Espanhol. Porém, dois dias antes do começo do jogo, você lê na internet que Cristiano Ronaldo sofreu uma contusão séria, e que está fora do jogo.

É mais do que natural que você queira mudar a aposta para o Barcelona, já que as chances do time catalão aumentam consideravelmente. Afinal de contas, você não é burro, e não quer perder dinheiro quando tem a informação ao seu favor.

O jogo começa. Mas, de forma surpreendente, no final do primeiro tempo, o jogo está 3 a 0 para o Real Madrid, com dois gols do Marcelo, algo bem raro de acontecer para um lateral.

Sim. Você errou na aposta. E agora vai perder dinheiro.

Bom… não necessariamente.

Com o cash-out, você pode simplesmente desistir da aposta feita, se retirando da disputa e reduzindo o seu prejuízo. Você não perde todo o dinheiro apostado, podendo depois reinvestir esse valor em alguma outra aposta que você considere promissora no futuro.

É claro que nem tudo é tão simples quanto parece. O cash-out tem regras diversas, como por exemplo na questão do valor recuperado. Como informei um pouco antes, o site de apostas fica com uma parte do valor que você apostou, como uma espécie de multa pela sua desistência da brincadeira.

Além disso, o usuário não pode alterar ou sair do jogo na hora que ele quiser. Cada modalidade ou evento esportivo tem um período previamente estabelecido que permite o acionamento do cash-out. Depois desses prazos, aí sim é um caminho sem volta para o apostador. Logo, sempre vale aquela recomendação do “use com moderação e sabedoria”.

De qualquer forma, os melhores sites de apostas com cash-out oferecem uma via segura para os mais receosos, e é uma funcionalidade que pode sim impulsionar ainda mais o volume de acessos dos principais sites de apostas esportivas do mercado.  É fato que a maioria dos usuários querem muito mais se divertir nessa atividade do que necessariamente torná-la sua fonte de renda. Por outro lado, ninguém quer perder dinheiro enquanto se diverte. Certo?