kantar-1

Os últimos dados publicados pela Kantar Worldpanel, que se somam aos dados já publicados pela IDC e pela Strategy Analytics, se centram no mercado norte-americano de smartphones, com as vendas do primeiro trimestre do ano, encerrado em março de 2014. E nesse período, uma conclusão é evidente: a cota do Android nos Estados Unidos cresceu de forma significativa. E fez isso às custas da queda do iOS.

O iPhone tem nos Estados Unidos um dos seus mercados principais, com grande valorização por parte da Apple,. Mas parece que toda essa dedicação não está conseguindo evitar o êxodo de usuários da iOS para o Android. O motivo? Os concorrentes com o sistema da Google oferecem mais e mais modelos, com maiores capacidades e possibilidades, e preços mais competitivos.

Segundo o estudo, o Android conta hoje com 57.6% de cota de mercado nos Estados Unidos. No ano passado, essa fatia era de 49.3%. O prejuízo foi da Apple, que passou de 43.7% em 2013 para 35.9% em março de 2014.

Segundo a Kantar Worldpanel, o motivo principal para a migração está no preço médio pago por esses dispositivos.

Entre o primeiro trimestre de 2013 e o primeiro trimestre de 2014, o gasto médio em smartphones com contrato caiu de US$ 119 para US$ 93, enquanto que o gasto para smartphones pré-pagos passou de US$ 187 para US$ 148.

Os dados da Kantar revelam também a pouca relevância das demais alternativas. O Windows Phone conta com uma cota de apenas 5.3%, e perdeu três décimos de sua fatia de mercado em um ano nos EUA, apesar do seu bom comportamento em outras regiões do planeta.

Via 9to5Google, Kantar Worldpanel