nsa-logo-eye

Uma nova informação divulgada por Edward Snowden revela que tanto a NSA (dos EUA) como a GCHQ (do Reino Unido) atacaram empresas desenvolvedoras de antivírus, no intuito de praticar a espionagem de forma anônima.

Uma das mais prejudicadas com esses ataques foi a russa Kaspersky Lab, que se mostrou indignada diante das ações das agências de inteligência citadas. Os ataques aconteceram com ferramentas de engenharia reversa, que permitiram o acesso às comunicações que entravam e saíam das redes da empresa, mas não ficou por aí. Também foram acessados alguns e-mails e listas de novos malwares identificados pela empresa de segurança.

O objetivo principal da NSA e da GCHQ era conhecer vulnerabilidades críticas antes de todo mundo, para se beneficiar delas. Logo, atacar as empresas encarregadas em detectar essas ameaças é um movimento lógico.

É mais uma mostra desse jogo sujo adotado pelos governos dos Estados Unidos e da Grã-Bretanha, mesmo que seja uma estratégia muito inteligente. A Kaspersky Lab informa que segue se esforçando ao máximo para melhorar a proteção oferecida aos seus usuários.

Via Business Insider