oculus-vr

 

Mark Zuckerberg apresentou ontem (07) no evento Oculus Connect 3 a nova versão do Oculus VR, que será mais barato que o Oculus Rift e terá um funcionamento independente de outros dispositivos.

Segundo o CEO do Facebook, nesse momento temos dois tipos de dispositivos de realidade virtual: os baseados em smartphones (Gear VR) ou via Daydream, ou os baseados em PCs (Oculus Rift, HTC Vive).

Zuckerberg se esqueceu daqueles baseados em consoles (PlayStation VR) e todos aqueles baseados em realidade aumentada (Microsoft HoloLens). Mesmo assim, a ideia dele é querer mudar tudo o que vimos até agora com o novo Oculus VR, um dispositivo completamente autônomo, muito parecido com o Oculus Rift, apesar de ser um protótipo que pode ter um design final diferente.

Oculus VR será a porta de entrada do Facebook para um entorno de realidade virtual

 

oculusvr

 

Sem cabos para se conectar com o PC, conta com fones de ouvido incorporados, e na parte traseira vemos a unidade de processamento. Não há mais detalhes, mas comenta-se que o Oculus VR possui câmeras incorporadas para monitoramento da cabeça e movimento do corpo. Além disso, ele seria mais barato que o Oculus Rift.

Vale lembrar que Qualcomm e Intel também contam com dispositivos com design semelhante.

O novo Oculus VR chega acompanhado do controle Oculus Touch (para o Oculus Rift), que estará disponível em 6 de dezembro, por R$ 199. Quem reservar antes dessa data leva para casa os jogos VR Sports e The Unspoken.

Por fim, foram feitas demonstrações com a plataforma Facebook VR, que deve estar conectada a todos os serviços e aplicativos da rede social.