Estivemos ontem (31/05) no clube Sonique, para o evento de lançamento do notebook Samsung Serie 9. O modelo chega para competir diretamente com o MacBook Air da Apple, e promete dar trabalho na disputa, uma vez que as primeiras impressões do produto foram muito positivas. Este post mostra um rápido unboxing e algumas imagens do produto, revelando suas principais características.

O notebook é vendido em uma elegante caixa, com uma sacola personalizada. Eficiente, simples e objetiva, ideal para aqueles que não se contentam com uma simples caixa de papelão.

Acima, a embalagem do produto, com apenas um detalhe em cinza.

A tampa superior da embalagem já revela o produto, devidamente protegido por uma capa.

E aqui, o notebook, devidamente acondicionado.

Acima, os acessórios que acompanham o produto: a sua fonte para rede elétrica, e o adaptador RJ-45, para que você possa conectar o cabo de rede do seu provedor de internet. Uma coisa que foi dita durante a apresentação do produto: o Serie 9 pode atuar como hotspot WiFi para outros dispositivos, através da conexão do cabo de rede à esse adaptador, conectado ao notebook.

Agora, começando a falar do notebook com mais detalhes.

Na primeira vez que vemos o notebook, a beleza que ele apresenta é evidente. Por ser feito de duralumínio (material utilizado na fabricação de aeronaves e carros, sendo duas vezes mais resistente, mas com o mesmo peso do alumínio tradicional), ele possui um acabamento elegante e fino. Combinado com os detalhes em black piano e suas linhas em forma de gota, temos um notebook realmente muito bonito.

Outro destaque é a sua tela de 13,3 polegadas. Ela possui resolução de 1366 x 768 píxels, e 400 nits, o que resulta em imagens com boa visibilidade das imagens exibidas, mesmo em ambientes com pouca luminosidade, ou até mesmo contra a luz. Para se ter uma ideia do quão elevada essa quantidade de nits é, os monitores e telas convencionais usam pouco mais da metade desse valor.

As suas teclas são bem espaçadas, sendo bem convidativas para aqueles que precisam redigir longos textos, como jornalistas e blogueiros. São teclas em formato chiclet, sem muita resistência no acionamento durante a digitação.

Outro destaque do teclado é o fato dele ser retroiluminado. Quando você fica em um ambiente escuro, suas teclas ficam visíveis o suficiente para que você continue trabalhando no escuro. Ao abrir a tampa do notebook (ou quando a luz voltar), as teclas se apagam. Tudo isso, gerenciado por um sensor de luminosidade.

O seu touchpad é de um tamanho generoso o suficiente para você manipular a área de trabalho sem maiores dificuldades. Fora que o multitouch é suave, tornando a atividade de uso mais agradável.

O Samsung Serie 9 tem como seu ponto alto a sua espessura e seu peso. É um notebook fino e leve o suficiente para ser transportado de forma bem cômoda, sem fazer muito espaço na sua mochila. A Samsung enfatiza sempre que esse é o notebook com tela de 13″ mais fino e mais leve do mundo. E, de fato, quando pegamos o equipamento, ficamos surpresos como ele pode ser elegantemente leve.

Outro ponto forte do notebook é o seu formato de gota. Isso deixa o notebook ainda mais elegante. Para quem ama os designs diferenciados, vai adorar o Serie 9, e esse pode ser um diferencial decisivo na hora da compra do produto. Um detalhe que não é possível ver pelas fotos (mas que registramos em vídeo, que vai ao ar no blog em breve), é que os conectores do produto (uma porta USB 3.0, uma porta USB 2.0, uma porta Ethernet proprietária, um leitor de cartões microSD e uma porta HDMI) não ficam visíveis ao usuário. Elas ficam escondidas em um pequeno compartimento, que fica incorporado à lateral do notebook. É uma solução bem interessante para economia de espaço lateral, e um dos truques da Samsung para deixar o modelo mais fino que os demais.

Visão da parte traseira do notebook. Outro bom exemplo de como ele é realmente bem mais fino que os modelos tradicionais.

Por fim, vamos conhecer as especificações técnicas do Samsung Series 9. Ele possui processador Intel Core i5-2537M, de 1.4 GHz, 4 GB de memoria RAM DDR3, unidade de SSD de 128 GB, WiFi 802.11 b/g/n, conectividade Bluetooth 3.0, sistema de áudio de alta definição, webcam de 1.3 MP e bateria de 6 células, com autonomia prometida de até 7 horas de uso.

O sistema operacional do Serie 9 é o Windows 7 Home Premium, e apesar de ainda carecer de testes mais aprofundados, o notebook apresentou uma velocidade muito boa para execução de programas e resposta de comando de menus. Um dos pontos positivos do modelo é que ele pode inicializar o equipamento em 15 segundos, e sair do modo de hibernação em apenas 3 segundos. O recurso pode ser muito interessante para quem precisa movimentar o equipamento de um lugar para outro, ou para aqueles que deixam o computador ligado na hora do almoço. E, pelo o que comprovamos, o recurso funciona de forma bem eficiente.

O Samsung Serie 9 já está disponível nas lojas nacionais e e-commerces, por um preço de R$ 4.999,00. O primeiro lote do produto será importado, mas a Samsung já anunciou que pretende fabricar o Serie 9 no Brasil.