Nem tudo são produtos novos e reluzentes no Nokia Ovi Expedition II. Também temos números, que são sempre importantes para o mercado de tecnologia. E é apoiado em números que a Nokia chega na segunda edição deste evento de lançamentos para mostrar suas estratégias para o mercado latino-americano de smartphones.

Segundo pesquisa realizada pelo IDC, o mercado de smartphones deve crescer 37,5% ao final de 2010, chegando a 17 milhões de unidades vendidas, tendo uma previsão de atingir a marca de 25 milhões em 2011. Isso significa que a América Latina vai ter algo em torno de 15,4% das vendas globais. A Nokia é líder na região nos ditos telefones inteligentes, e oferece uma mudança no setor, tornando o ecossistema de provedores de conteúdo, desenvolvedores, operadoras e indústria cada vez mais ativo e sincronizado com esta mudança. A segunda edição do Ovi Expedition visa exatamente apresentar e discutir estas novas tendências, observando a mudança do comportamento do consumidor latino americano, que está diretamente relacionada ao aumento da densidade de assinantes móveis, que se converte em usuários de smartphones em potencial.

O que causa isso é a possibilidade maior que o usuário tem em personalizar seus aparelhos, através de recursos oferecidos pelo próprio smartphone e pelos aplicativos disponíveis para download nas lojas virtuais, tanto em modos gratuito como pago. O usuário não quer ter apenas uma opção de serviço ou funcionalidade; cada vez mais o usuário busca soluções que atendam as suas necessidades mais específicas, ou mais próximas a sua realidade. Essa é uma proposta que fica muito clara em lançamentos como o Nokia N8, que tem como principal apelo a busca pelo usuário que quer conectividade, diversão e interação com redes sociais.

via assessoria de imprensa