Stephen Elop não se mostra tão aberto a mostrar os números de vendas dos modelos Lumia, já que considera que essa série de produtos com Windows Phone tem uma estrada a longo prazo para percorrer, e que tudo o que ele precisa é que o tempo passe, para tirar as suas primeiras conclusões. Porém, o site da Bloomberg se aventurou a calcular as vendas dos novos telefones, compilando os dados de 22 analistas do mercado. E as notícias são boas para o pessoal de Espoo.

Segundos os cálculos, a Nokia teria distribuído (entre vendas diretas para os usuários e envio de aparelhos para as operadoras) mais de 1 milhão de unidades Lumia, desde o seu lançamento na Europa, no último mês de novembro. “Os números são promissores”, afirma um dos analistas consultados, e esses números não podem chegar em melhor momento, principalmente se levarmos em conta que o valor das ações da Nokia caiu 52% em 2011, mesmo com uma recuperação financeira de 15% no último ano. Porém, temos que receber esses números com cautela, uma vez que tal como aponta os analistas, a Nokia distribuiu uma quantidade muito grande para as operadoras, e não ao usuário final de forma direta.

Via Bloomberg