nokia-build

A Nokia segue na Finlândia, e disposta a seguir em frente sem a sua divisão de dispositivos móveis, centrando os seus esforços nas áreas de mapas e infraestrutura de telecomunicações. Eles acabam de anunciar a compra da Alcatel-Lucent por 15.6 bilhões de euros (ou US$ 16.6 bilhões). Isso é mais que o dobro que a Microsoft pagou pela sua divisão de telefonia.

Com essa compra, a Nokia fica com os famosos Laboratórios Bell (fundados por Alexander Graham Bell em 1880) que era de propriedade dos franceses, se transformando na maior fabricante de equipamentos de telecomunicações do planeta, na frente da Ericsson e Huawei.

A fusão vai acontecer, onde a marca Nokia prevalece. Os centros de pesquisa dos Laboratórios Bell manterão o logo da Alcatel-Lucent, pelo menos por enquanto. De acordo com a Nokia, “a combinação das duas empresas estará em condições de acelerar o desenvolvimento de tecnologias futuras, incluindo o 5G, assim como sensores”.

Recentemente, especula-se que a Nokia estaria a ponto de vender os seus serviços de mapas Here – inclusive com o Uber sendo um dos possíveis candidatos à compra -, de forma que em breve podemos ver tal movimento se concretizando.

Via Nokia