Pessoas estão tensas no quartel general da Nokia, que você vê na foto acima. Aliás, a cada vez que eles precisam apresentar o balancete financeiro trimestral, o clima de pânico toma conta na empresa inteira. O resumo financeiro do segundo trimestre de 2012 não é nada animador, e aumenta ainda mais a turbulência vivida pela fabricante finlandesa.

Segundo informa a própria Nokia, nos últimos três meses eles tiveram um prejuízo operacional de 826 milhões de euros (ou US$ 1.010 bilhão), conseguindo levantar apenas 7.5 milhões de euros em vendas. Vale destacar que a empresa conseguiu vender no período 4 milhões de unidades dos terminais Lumia. É pouco, se pensarmos em vendas globais, mas é um dado que dá esperança à empresa, pois é o dobro do volume vendido no primeiro trimestre de 2012.

A Nokia tenta ser otimista. Informou que o número de aparelhos disponíveis no mercado aumentou em relação ao último trimestre, mas muito por causa dos modelos da linha econômica Asha, que vendeu 73 milhões de unidades. Já nos valores líquidos, o montante acumulado da empresa é de apenas 4.1 bilhões de euros (ou US$ 5.1 bilhões), e diante de tal panorama, o terceiro trimestre fiscal da Nokia não deve ser dos melhores.

Para ler o relatório completo emitido pela Nokia (atenção: em PDF), clique aqui.

Via Engadget