Nintendo Switch

 

O mundo se divide entre aqueles que leem os manuais de instruções nos produtos e aqueles que não perdem tempo com isso. E a Nintendo quer que o segundo grupo aumente, não incluindo manuais nos jogos do Nintendo Switch.

Antes, esses manuais ainda estavam disponíveis em formato digital. Agora, com os jogos do novo console, nem isso. Você recebe uma caixa enorme em relação ao cartucho, com um pequeno guia de conteúdo e mais nada.

 

 

Um dos primeiros jogos para o Nintendo Switch é uma compilação de mini-jogos chamada 1-2-Switch. Dentro da caixa, temos um mini-guia ilustrativo dos jogos, e nada mais.

 

 

No caso de The Legend of Zelda: Breath of the Wild, só temos uma ilustração do protagonista Link, e no caso de Super Bomberman R, tem uma breve indicação no verso da caixa. Nada de manuais de papel ou em formato digital.

 

 

No caso da edição especial de Breath of the Wild, além dos extras (um CD e um action figure), temos um papel, que não é um manual, mas sim uma advertência para as crianças, falando de alguns efeitos causados pelas privações do sono e até epilepsia.

 

 

E parece que os jogos de desenvolvedores de terceiros também não devem receber manuais. Pode ser que no futuro eles voltem, mas parece que todos se centraram no desenvolvimento dos jogos, e conceber um manual de instruções parece dar muito trabalho.

 

Essa tendência não é nova, mas chama a atenção em se tratando da Nintendo.

Em 2010, a Ubisoft deixou de incluir manuais de papel, alegando a preocupação com o meio ambiente, e os jogos para PS4 e Xbox One também deixaram de incluir manuais físicos, no máximo recebendo panfletos de outros jogos ou promoções.

 

 

Logo, pode ser que o fim dos manuais nos jogos em todos os formatos esteja mais perto agora que a Nintendo não quer priorizar isso nem mesmo no formato digital.

Antigamente, os manuais de papel chegavam a ter até 30 páginas, e os jogos indies já evitavam colocar manuais nos seus packs de venda.

É mais uma tendência de fim que se aproxima.

 

Via Kotaku, The Artifice