No último final de semana, a Niantic realizou o evento Pokémon Go Fest em Chicago, para celebrar a chegada dos Pokémons lendários ao game. Porém, o evento foi um fracasso, com muitos problemas técnicos com a rede e conectividade, que impediram uma melhor experiência de uso por parte dos gamers.

A Niantic devolveu o dinheiro das entradas aos jogadores, e agora o seu CEO, John Hanke, publicou um post em seu blog onde explica de forma mais detalhada o que aconteceu.

Hanke assumiu a culpa pela Niantic, mas também alertou que as operadoras também tiveram alguns problemas no local.

Os problemas no aplicativo interferiram nas partidas de alguns usuários, e foi resolvida com uma mudança na configuração dos servidores. A correção solucionou os problemas de muitos gamers, mas não para todos.

Além disso, as redes de dados móveis ficaram saturadas, e muitos usuários não conseguiam acessar o Pokémon Go e outros serviços de internet.

A experiência ruim não impede a Niantic de planejar futuros eventos. Hanke afirma que a empresa vai extrair as lições desse incidente, e aplicar tudo o que aprendeu em futuros eventos que devem acontecer nas próximas semanas no Japão e na Europa.