Netflix_Logo

A empresa Sandvine publicou os resultados do seu último estudo sobre o uso da web, e eles detectaram que, hoje, o Netflix acumula até 36.5% do tráfego de banda nas horas de maior atividade de internet durante a noite, subindo em 1.6% em relação a segunda metade de 2014.

A HBO também experimentou certo crescimento, muito em parte por conta do lançamento do seu novo serviço de streaming, o HBO NOW, além da popularidade de Game of Trones. Durante as cinco primeiras temporadas da série, os serviços HBO GO e HBO NOW representaram 4.1% do tráfego das redes físicas dos EUA, aumentando em 300% os seus números anteriores.

uso-web-eua-01

Antes do lançamento dos seus serviços, a HBO acumulava apenas 1% do tráfego de banda dos EUA pela manhã. Hoje, o HBO GO acumula 3.7%, e o HBO NOW 0.7%. Leve em conta que o NOW só está disponível através de produtos da Apple e de alguns provedores de TV a cabo.

O aumento do tráfego da Netflix e da HBO bate de frente com a redução do uso do BitTorrent, que representa hoje apenas 6.3% do total dos dados nos EUA, e 8.5% na América Latina.

Nas plataformas móveis, a Sandvine informa que, na América Latina, Google e Facebook (através dos serviços que estão sob o seu domínio) concentram mais de 60% do volume total, enquanto que nos EUA o entretenimento em tempo real recebe o primeiro posto, seguido pelos aplicativos de redes sociais. O YouTube também obtém uma boa porcentagem, acumulando 21.2% do volume total de dados.

Os vídeos que se reproduzem de forma automática no Facebook gerou um notável aumento de tráfego médio por usuário de 60% em média.

uso-web-eua-02 uso-web-eua-03

Via TechCrunch