A Microsoft confirmou os preços do Windows 7 que acabaram vazando pela web nacional. O pacote básico do novo sistema operacional custará R$ 329; o Premium sai por R$ 399, o Professional por R$ 629 e o Ultimate por R$ 669. Não haverá no Brasil o pacote família, que é o pacote de três licenças Home Premium. A diferença de preço em relação aos EUA é considerável, e no caso do Ultimate (levando em conta o dolar a R$ 1,79), chega a 70% (ele teria um preço aproximado do que vai ser vendido o Premium aqui). Bom, daqui dá pra entender, logo de cara, é que, se for comprar, ou compre logo o Premium, ou compre o Ultimate (pela diferença de preço dos seus pacotes menores). Agora, parece que a Microsoft ainda não entendeu: por que aplicarem preços tão próximos de pacotes intermediários? Por auqe este abismo de preços de, aproximadamente, R$ 300, de dois conjuntos de pacotes? E porque diabos temos que pagar tão mais caro do que os americanos sobre o mesmo produto?

E depois eles se perguntam porque no Brasil existem tantos PCs com softwares piratas. Microsoft, a resposta está com vocês mesmos.

Mais @UOL Tecnologia