O processo apresentado pela Motorola no mês de dezembro de 2011 parece ter surtido efeito contra o império da Apple. O protesto apontava diretamente para a tecnologia 3G/UMTS que a Apple utilizava em seus produtos, que a Motorola garantia que infringia suas patentes europeias.

A Apple, por sua vez, informa aos usuários que poderão seguir encontrando os seus produtos em distribuidores e lojas físicas, mas por enquanto, não estão disponíveis na loja online da empresa. Obviamente, a empresa de Cupertino vai apelar da sentença, e segundo a Apple, a Motorola está se negando a ceder licenças de patentes que eles declararam como padrões há sete anos.

Hoje (04/02), rumores da imprensa internacional informavam que Apple e Motorola estavam pelo menos discutindo um acordo para que essas patentes sejam cedidas. Tais rumores diziam que a Motorola queria 20% dos lucros relativos ao iPhone e iPad 3G na Europa para ceder tais patentes para a Apple. Se é verdade, não sabemos. Só sabemos que essa história vai longe.

Manteremos vocês atualizados.

Via Engadget