Para aqueles que se renderam aos encantos do Motorola Atrix HD, mas estavam com receio de não poder conhecer os seus segredos na sua profundidade, temos uma boa notícia. A Motorola anunciou de forma oficial a edição para desenvolvedores do smartphone, denominada Motorola Atrix HD Developer Edition. Ou seja, agora os desenvolvedores e curiosos de plantão podem explorar melhor as características do produto e, quem sabe, criar soluções específicas para o smartphone.

Suas especificações técnicas são idênticas ao modelo oferecido para os “mortais”, ou seja, uma tela Colorboost HD de 4.5 polegadas, processador dual-core de 1.5 GHz e câmera traseira de 8 megapixels, entre outras configurações. A principal diferença é que o Atrix HD Developer Edition conta com um modo de personalização profunda, e não estamos falando apenas em mudar a interface ou os toques do telefone.

Quando um smartphone é comercializado com o seu bootloader desbloqueado, você tem a possibilidade de modificar o seu software completamente, e quantas vezes você desejar, sem correr o risco de, em um determinado momento, o número de instalações alternativas de ROMs limitem os recursos do aparelho. Com isso, você pode colocar ROMs customizadas de qualquer espécie, sem precisar hackear o dispositivo, violando sua garantia ou a política de utilização do produto, imposta pelo fabricante.

Por enquanto, a Motorola não estabeleceu uma data de lançamento ou preço oficial para o Atrix HD para desenvolvedores. É sempre bom lembrar que os fabricantes estão cada vez mais adotando a estratégia de oferecer smartphones sem as restrições do bootloader. Na verdade, o ideal seria esse ser o padrão, mas como os fabricantes não podem perder dinheiro sobre suas personalizações, e o próprio Android tenta a todo custo manter a sua consistência na experiência de uso e características técnicas, essas restrições são criadas.

Mas fico feliz porque, aos poucos, esse cenário está mudando.