mike lazaridis

Todo mundo sabe que a BlackBerry está mal das pernas, e deve deixar de existir tal e como nos conhecemos em breve, a não ser é claro que algum milagre aconteça. O plano de reestruturação atual, que é visto por todos como uma tentativa desesperada de se salvar (despedindo mais de 4.500 funcionários de diferentes divisões de menor interesse para os seus eventuais compradores) e obtendo o maior lucro possível com o BBM em outras plataformas), pode ser modificado, com a volta de um ilustre personagem na história da empresa: o co-fundador da RIM, Mike Lazaridis.

As páginas de economia dos jornais The New York Times e Wall Street Journal revelam a notícia que o co-fundador da BlackBerry (antiga RIM) estaria disposto a levantar fundos para adquirir a empresa que capitaneou durante anos, ao lado do seu sócio, Jim Balsillie. Detalhes dos planos de Lazaridis não foram revelados, mas aparentemente ele já estaria conversando com alguns dos maiores fundos de investimentos do mundo (como o Blackstone Group e o Carlyle Group, por exemplo) para obter o apoio econômico necessário para a aquisição.

Ao lado de Balsillie, Lazaridis foi o capitão do meteórico ascenso da RIM, e um dos principais responsáveis do domínio avassalador dos smartphones BlackBerry durante anos no mercado empresarial. Por outro lado, o mesmo Lazaridis foi a imagem do fracasso da empresa de Waterloo. Sua gestão nos últimos anos da empresa permitiu que os sistemas IOS e Android simplesmente aniquilassem as vendas de smartphones BlackBerry, de modo que imaginamos que pelo menos mais de um acionista vai receber essa notícia de tentativa de compra com um certo receio.

De qualquer forma, por enquanto, as conversas de Lazaridis com os fundos de investimento são preliminares, de modo que ainda é muito cedo para prever qualquer coisa. Vamos apenas observar e esperar pelos próximos acontecimentos.

Via The New York Times
Via The Wall Street Journal