xbox-one

O Xbox One está se tornando uma grande novela para a Microsoft. Mais uma munição para os críticos do console foi entregue hoje (14), através do anúncio oficial dos mercados que vão receber o novo console da empresa no ato do seu lançamento, previsto para o mês de novembro. A novidade é que o número de países que receberão primeiro o XOne caiu de 21 (número este anunciado no evento da empresa na E3 2013) para apenas 13 países.

Em um comunicado no blog oficial do produto, a Microsoft informa que o número de 21 países é um objetivo muito agressivo, e que eles estão trabalhando duro para entregar o produto em um maior número de mercados possível. Porém, a prioridade da empresa é atender a demanda inicial dos principais mercados, e por conta disso, eles reduziram o número de países onde o console estará disponível no ato do seu lançamento.

Os países que vão receber o Xbox One em novembro são: Austrália, Áustria, Brasil, Canadá, França, Alemanha, Irlanda, itália, México, Espanha, Reino Unido, Estados Unidos e Nova Zelândia. Ficaram de fora: Bélgica, Dinamarca, Finlândia, Holanda, Noruega, Rússia, Suécia e Suíça, que devem receber o console “o mais breve possível” em 2014.

Alguns dos fatores alegados pela Microsoft para a indisponibilidade do lançamento do Xbox One nos mercados que ficaram de fora incluem o processo de localização dos consoles (tradução da interface de usuário, incorporação de vozes e idiomas, etc), além do desenvolvimento de aplicativos e conteúdos locais de parceiros da empresa.

Mesmo que o problema não atinja o Brasil, é importante ressaltar que essa mudança da Microsoft é uma falha de planejamento, onde tudo indica que a procura parece ser maior que a demanda. É claro que os motivos apresentados pela empresa são bem razoáveis, mas se eles querem fazer o console dar certo, esses pequenos lapsos precisam parar de se repetir.

Via Blog Oficial do Xbox (Microsoft)