nokia-microsoft-elop-ballmer

A Microsoft está cada vez mais próxima de se tornar dona da divisão mobile da Nokia de forma oficial. O Departamento de Justiça dos Estados Unidos e a Federal Trade Comission aprovaram o acordo de venda que envolve Microsoft e Nokia, em um valor avaliado de US$ 7.2 bilhões. Agora, só resta um obstáculo para que a negociação seja concluída: convencer a União Europeia.

É esperado que a União Europeia aprove o negócio no começo de 2014. Depois disso, não haveriam mais impedimentos legais para que o acordo seja concluído. No mês passado, os acionistas da empresa finlandesa aprovaram o acordo de venda da divisão de dispositivos móveis. A Nokia em si permanece como uma empresa independente, desenvolvendo tecnologias de rede para operadoras e provedoras de serviços ao redor do planeta. O que a Microsoft comprou foi toda a divisão de mobilidade e dispositivos, incluindo a linha de smartphones Lumia (e a sua marca).

Uma vez que a Microsoft já conta com a aprovação dos órgãos governamentais norte-americanos, o CEO da Nokia, Stephen Elop, vai assumir um posto na nova divisão de mobilidade da Microsoft, para comandar a equipe de engenheiros da Nokia para desenvolver os novos smartphones e tablets da gigante de Redmond. A Microsoft, por sua vez, ainda pode utilizar por um tempo limitado as marcas Nokia e Lumia combinados. Ou seja, ainda teremos smartphones da Nokia no mercado por mais algum tempo.

Via The Verge