twin-or-not-microsoft

Não faz muito tempo que a Microsoft lançou um jogo interativo, que utilizava o seu sistema de reconhecimento facial, que tentava calcular a idade das pessoas a partir das fotos do seu rosto. Ainda que os resultados não fossem perfeitos, a repercussão foi tão boa, que gerou uma segunda versão da brincadeira, que agora quer encontrar o seu irmão gêmeo perdido.

Deixemos as dúvidas sobre as violações de privacidade de lado (já que a Microsoft apagava as fotos depois de processá-las), e vamos nos concentrar no fato que o novo aplicativo web utiliza o mesmo sistema de reconhecimento facial para verificar se uma pessoa se parece com outra, e quais são as porcentagens de ‘parentesco virtual’ entre os envolvidos.

O How-old.net pega as duas fotos que são comparadas, que devem estar na mesma pasta no computador para o upload. Em poucos instantes a análise é feita, buscando as semelhanças entre os traços das pessoas envolvidas.

twin-or-not-microsoft-02

O responsável pelo site, Matt Velloso, explicou como ele utilizou as APIs da Machine Learning e a chamada Face API da Microsoft para obter as opções de reconhecimento facial. O desenvolvimento do serviço levou apenas quatro horas, demonstrando o potencial dese tipo de algoritmo e a simplicidade de sua programação.

Obviamente, as comparações podem chegar a ser detestáveis, e existem todos os tipos de experimentos simpáticos (ou não) sobre esse conceito. Mas vale a pena pelo fator diversão.

Acesse: TwinsOrNot.net