microsoft-4k

Se você acreditava ter uma vaga ideia do que seria um PC para games definitivo, reveja os seus conceitos. Separe cinco minutos de sua ocupada (ou ociosa) existência para ver a tabela de configurações de um PC que a Microsoft montou com a ajuda da Sharp, que por sua vez ofereceu um monitor 4K de 32 polegadas para exibir os jogos com gráficos e desempenho impressionantes.

A Microsoft montou um PC com o sistema operacional Windows 8, 3 unidades gráficas ASUS 7970 com drivers Eyefinity modificadas especialmente para a ocasião, que gerenciam três telas Sharp PN-K321, obtendo assim uma área de trabalho com resolução total de 11.520 x 2.160 pixels.

Mas se você pensa que o desempenho desse computador foi um completo desastre, se enganou. Os testes feitos com esse equipamento se converteram em resultados de quase 30 FPS estáveis a 30 Hz (por limitações da largura de banda da especificação atual) no jogo Dirt 3. Esse resultado é mais que satisfatório, levando em conta a espetacular experiência imersiva que a configuração oferece.

Vale a pena informar que, sem os drivers adequados, os resultados não passam dos 8 FPS. Ou seja, a versão modificada do Eyefinity é algo fundamental para o ganho de performance.

Mas isso não é tudo. Eles testaram o jogo em 60 Hz com a configuração com três monitores 4K. Para isso, eles contaram com a ajuda da AMD, que ofereceu os drivers adequados para uma configuração multi-stream transport, que deu vida aos três monitores com tal taxa.

O experimento deu certo. O resultado final alcançou a taxa variável entre 62 e 67 FPS, mas infelizmente a fonte de alimentação acabou falecendo, em virtude da sobrecarga. Afinal de contas, tinha que alimentar nada menos que 1.492.992.000 pixels.

Abaixo, um vídeo que ilustra esse experimento da Microsoft.

 

Via Blog Windows (Microsoft)