htc-windows-mobile

Microsoft e HTC voltaram a frequentar a mesma mesa, para se entenderem e seguir trabalhando juntos em prol do crescimento do Windows 10 Mobile, e da sobrevivência da fabricante taiwanesa, que não passa por um momento fácil.

O ultimo smartphone com Windows Phone lançado pela HTC foi o HTC One M8 de 2014. Mas isso pode mudar com a oferta de trabalho publicada em 19 de dezembro em Taipei, para o posto de diretor de gestão de contas. Nada é dito de forma concreta sobre modelos ou datas de lançamento, mas pelos precedentes podemos receber uma versão do supostamente renovado HTC One M10 com o Windows 10 Mobile. Um das características dessa vaga é entregar um catálogo que se centre nos diferentes perfis de usuários dos serviços do Windows 10 em combinação com os dispositivos e serviços da HTC.

Vale lembrar que, em 2016, veremos o novo sistema da Microsoft em dispositivos dos mais diversos. Recentemente vimos a proposta da Sony com o VAIO Phone Biz e um pouco antes o Funker W5.5 Pro foi apresentado. No comunicado da HTC, foi identificada uma intenção da Microsoft em colaborar com outros fabricantes chineses, entre os quais poderá estar a Xiaomi, que já conta no seu catálogo com dispositivos compatíveis com Windows Phone.

Ou seja, 2016 pode mostrar uma Microsoft mais heterogênea na divisão móvel, tentando assim dar o impulso necessário para a expansão do Windows 10 Mobile, buscando a atenção dos usuários que simpatizam com determinadas marcas, ou antecipando no hardware em suas prioridades. A decisão cai bem para a HTC, que também está envolta nos rumores sobre a fabricação dos próximos dispositivos da empresa. Será que os taiwaneses recuperam alguma cota de mercado com essas parcerias?

Veremos se 2016 será um ano de mudança de tendências para as duas empresas.

Via Microsoft