mi notebook air 4g

 

No apagar das luzes de 2016, a Xiaomi decidiu atualizar o seu noteboook mais recente, com o Xiaomi Mi Notebook Air 4G.

O modelo é mais potente e possui melhor conectividade. A principal novidade está na conectividade 4G integrada nos modelos. Sim, são dois notebooks com telas de 12.5 e 13.3 polegadas.

A ideia da Xiaomi era criar um produto mais competente na parte de mobilidade, e para isso eles dipensam o uso de um SIM card, adotando um sistema idealizado por eles em parceria com a China Mobile

 

 

A China Mobile oferece uma rede privada para esses notebooks, que tem velocidade de 80 Mbps, com um consumo gratuito de 48 GB anuais. Com isso, o smartphone fica livre para outras tarefas, além de ser uma conexão mais segura do que se fosse através do WiFi (na teoria).

Não sabemos ainda se é possível conectar um SIM card no modelo, ou se a opção da China Mobile não permite tal flexibilidade. Isso levanta dúvidas sobre sua possibilidade de uso em outros mercados.

Intel Core i7 para o modelo maior

 

 

Poucas coisas mudaram nas especificações.

O modelo maior é praticamente o mesmo. Mas no modelo com 13.3 polegadas, temos a importante atualização do processador, que agora é um Intel Core i7.

O modelo não foi especificado, mas afirmam que funciona a 3 GHz, com um desempenho 10% superior em relação ao Core i5 do modelo anterior.

Do mais, tudo igual: tela Full HD, 4 GB ou 8 GB de RAM, 128 GB ou 256 GB de SSD, bateria com autonomia para até 9,5 horas e 13,5 horas, várias portas de conectividade (incluindo USB 3.0 e USB Type-C), entre outros.

 

 

O modelo com 12.5 polegadas custa 650 euros, e o modelo com 13.3 polegadas custa 1.000 euros.

São produtos inicialmente concebidos para a China, mas nada impede que muitos possam utilizá-los no restante do planeta, levando em consideração o layout de teclado diferenciado e a adaptação de idioma do sistema operacional (Windows).

 

Via Xiaomi