650_1000_lenovo-c100

Novos relatórios da Gartner e IDC mostram que o quarto trimestre de 2014 foi de crescimento no mercado de computadores em nível global.

É a primeira vez que isso acontece desde 2012. O crescimento foi modesto, mas muito positivo pra o segmento. A recuperação discreta em 2014 veio depois de um 2013 que foi marcado como o pior ano em vendas – com uma queda de 10%.

Os números mudam significativamente de acordo com a região analisada. Por exemplo, nos Estados Unidos, o aumento de vendas no último trimestre foi de 13.1% (em relação ao quarto trimestre de 2013 -, o maior em quatro anos.

650_1000_tap_11_front-left_keyboard_pen__w

A Gartner indica que os portáteis acessíveis (entre US$ 200 e US$ 300) despertaram o interesse dos consumidores, além da miniaturização dos equipamentos em todos os níveis, e a ampla oferta de conversíveis. Todos esses fatores ajudaram nas vendas.

Quando olhamos para a Europa, Oriente Médio e África, o crescimento foi de 2.8%, com 26.5 milhões de unidades vendidas. A maioria das vendas aconteceu na Europa ocidental. De novo os portáteis acessíveis e os combos com tablet e teclado completam essa equação.

A região da Ásia e Pacífico foi a que menos cresceu, com 2%. Foram vendidos 26.6 milhões de unidades no último trimestre de 2014, onde essas regiões seguem preferindo comprar tablets e smartphones no lugar de computadores.

Os números do IDC falam de 309 milhões de unidades vendidas em 2014, enquanto que os dados da Gartner falam em 316 milhões. Os números do IDC são muito parecidos, e isso porque eles adicionam os Chromebooks nas vendas, algo que a Gartner não fez no seu estudo. Por outro lado, o IDC não inclui os computadores 2 em 1, no estilo do Surface.

 

Lenovo é líder, mas HP a segue de perto

650_1000_4q

Nos números da Gartner, a Lenovo segue mostrando que é a gigante a ser batida. Eles mandam em nível mundial, com cota de 19.4% no quarto trimestre. A HP está em segundo, com 18.8%, obtendo bons resultados na Europa e Ásia. A Dell ocupa o terceiro posto, com 12.7%, e fechando o top 5, estão a Acer e a ASUS.

Os números da IDC são muito parecidos, com uma mudança no quinto posto, onde a Apple ocupa o lugar da ASUS. A cota de mercado no último trimestre de 2014 dos californianos foi de 7.1%, com um grande crescimento em relação ao ano anterior.

Também podemos ver o acumulado anual (preliminar) da Gartner, na mesma ordem e com os mesmos nomes que figuraram no quarto trimestre de 2014:

650_1000_total

A Gartner destaca a ideia que muitos usuários podem estar satisfeitos com os tablets, e deixam de lado os seus computadores e, por tabela, suas renovações. Mas também interpreta que existem compradores que se frustraram com as limitações dos tablets, e em 2014 voltaram a investir nos PCs.

Via GartnerIDC