Se você quer melhorar a sua conexão de internet sem gastar dinheiro, esse post oferece uma série de dicas bem simples, que gastam poucos minutos para serem executadas.

Para obter o melhor resultado possível, recomendamos que você aplique todas essas dicas de forma simultânea.

 

– Cuide da localização do roteador: uma das dicas mais básicas e simples, mas também uma das mais importantes. Um posicionamento ruim do rodeador pode aumentar as zonas mortas e os locais com má recepção do sinal WiFi. Procure uma posição mais próxima possível a todos os pontos onde queremos que o sinal chegue, e evite que o roteador fique próximo a eletrodomésticos que podem produzir interferências.

– Atualize o firmware do roteador: atualizações de software trazem melhorias importantes que afetam o desempenho e a segurança do roteador, e são fundamentais para um bom funcionamento sem custos adicionais. O roteador possui sistema operacional próprio, e as atualizações podem entregar melhorias importantes.

– Utilize conexões cabeadas: o uso de cabo oferece vantagens em relação à conexão sem fio. Utilize cabos em dispositivos onde latência e estabilidade são fundamentais para uma boa experiência de uso (computadores, consoles, etc).

– Proteja tua rede: é imprescindível mudar o nome padrão da rede e a senha padrão do roteador, algo muito simples de ser feito. Também é recomendado utilizar o filtro MAC.

– Utilize o padrão WiFi AC: os roteadores atuais contam com o padrão 802.11ac. Com ele, podemos obter velocidades maiores, utilizando a banda de 5 GHz, que é menos saturada que a de 2.4 GHz, ou seja, com menos interferência e com sinal mais limpo, o que resulta em uma maior estabilidade.