smartphone-em-uso

A Nielsen elaborou um estudo com os usuários de smartphones norte-americanos, onde eles analisaram o uso de dispositivos iOS e Android e seus aplicativos em 5 mil voluntários. O resultado foi curioso: o usuário médio passa em média quase 40 horas mensais (exatamente 37 horas e 28 minutos) utilizando diferentes apps do seu smartphone.

Essa marca aumentou em consideráveis 63% em dois anos, já que em 2012 alcançava apenas 23 horas. Para a Nielsen, os aplicativos de entretenimento, principalmente os videogames, são os responsáveis por esse aumento. O tempo médio de games em um smartphone aumentou para até 10 horas por mês, seguido pela música (2h17) e visualização de vídeos (1h44).

nielsen-uso-smartphones-01

Sobre o número de aplicativos que utilizamos no smartphone, a Nielsen informa que a média é de 26.7 apps para cada usuário em média. 70% do tempo total que passamos com o smartphone vem de apenas 200 aplicativos, apesar de existirem centenas de milhares de apps disponíveis no mercado.

nielsen-uso-smartphones-02

Seriam essas 40 horas mensais mais tempo que o normal? Bom, primeiro é preciso saber o que é ‘normal’. Desde já, nem todos os casos são iguais. Tem gente que usa o smartphone para trabalhar, para responder mensagens, e-mails e chamadas do trabalho, ocupando muitas horas por mês, impactando nessa média de tempo.

Temos também o contrário: aqueles que só usam para jogar e para o ócio, ou para mandar mensagens nas redes sociais o dia inteiro.

Cada caso é um caso. 40 horas mensais são pouco mais de uma hora por dia, o que não é muito tempo. Basta mandar algumas mensagens, ouvir alguns minutos de música e ver alguns vídeos do YouTube, e pronto: temos uma hora de uso por dia. Nenhum absurdo nesse aspecto.

Via Nielsen