selfie-iphone

A MasterCard apresentou uma tecnologia que usa as selfies para autorizar pagamentos. O MasterCard Identity Check permite que os clientes realizem os pagamentos com o leitor de digitais do smartphone, ou tirando uma selfie como prova de sua identidade, dispensando PINs ou senhas para pagamentos eletrônicos.

Ajay Bhalla, presidente de segurança da MasterCard, o objetivo é facilitar o comércio eletrônico, para um formato de pagamentos mais simples e cômodo. A segurança é uma das barreiras para a expansão do e-commerce, e soluções como essa podem resolver esse problema.

O reconhecimento facial não é uma novidade, mas até agora não é uma tecnologia consolidada. A ideia da MasterCard é que a experiência do usuário seja superior à atual, com a praticidade e comodidade das selfies, combinando com o reconhecimento de voz e as digitais. O objetivo final é adotar essa tecnologia nos 210 países onde a empresa está presente.

Uma pesquisa realizada pela MasterCard com 10 mil pessoas revela que 53% dos clientes se esquecem das senhas necessárias para os pagamentos mais de uma vez por semana. Isso gera incômodos e perda de tempo no processo de recorrer ao processo de lembrar ou criar uma nova senha. A mesma pesquisa informa que em mais de 33% dos casos o usuário abandona o processo de compra. E é isso o que eles querem resolver, além de evitar perder clientes para esses incidentes.

O estudo mostra outras tendências relativas ao uso de senha. Os usuários precisam utilizar alguma senha até oito vezes por dia para utilizar uma das dez contas online ou apps que usam regularmente, onde 58% dos casos confia no uso de diferentes senhas, e ao menos um em cada cinco pessoas usa a mesma senha para tudo.

Mais da metade dos entrevistados gostariam de ter um sistema que substituísse o uso das senhas. Por isso, a MasterCard está convencida que as selfies podem ser uma solução. Não só isso: eles apostam no fim das senhas em três a cinco anos, acreditando no fato que as tecnologias que facilitarão a experiência do usuário vai se expandir com maior rapidez.

O MasterCard Identity Check começa a funcionar nos EUA no meio de 2016, com sua expansão mundial prevista para 2017.

Via Business Insider